Páginas

Anônimo disse... =Historinha de final de domingo=

 

image

Anônimo disse...

=Historinha de final de domingo=

Diz uma antiga fábula que um camundongo vivia angustiado com medo de gato. Um mago ficou com pena dele e o transformou em um gato. Mas aí ele ficou com medo de cachorro, e o mago teve que transformá-lo em tigre. Daí ele começou a ter medo de caçadores, interessados na sua pele.
A esta altura, o mago desanimou. Desfez todas as transformações para que nosso personagem voltasse a ser um camundongo.
E suspirando, tentou explicar: Nada que eu faça por você vai ajudá-lo,porque você tem apenas a coragem de um camundongo. É preciso ter coragem para romper com o projeto que nos é imposto, com o funcionamento do sistema. Mas saiba que coragem não é ausência de medo; é sim, a capacidade de avançar, apesar do medo; caminhar para frente e enfrentar as adversidades, vencendo os medos..É isto que devemos fazer. Não podemos nos derrotar, nos entregar ou omitir por causa dos medos. Assim, jamais chegaremos aos objetivos que tanto almejamos em nossas vidas.
.......
Você é aquilo que tem coragem de ser! E, uma vez mergulhado e atuante neste sentimento de autoconfiança, você poderá enfrentar o mundo, no bom sentido, lógico! Tudo que você é capaz de desejar é capaz de realizar. No entanto se ficar se deixando abater por comparações inócuas, terminará se convencendo que não pode fazer nada.
Eu posso! Você pode! Nós podemos!
Portanto, escolha objetivos nobres e verdadeiros para sua vida, rompa com o que não considera correto ou ético, perca o medo, tente, e descubra a imensa capacidade interior que todos possuimos.

18 Abril, 2010 15:01

Agradeço a esse Leitor pelos últimos posts; tudo o que eu gostaria de dizer mas não sei usar as palavras tão bem quanto este gentil leitor.

Obrigada.

11 comentários:

Anônimo disse...

MARIA, DURMA COM UM BARULHO DESSES!!

PERGUNTA AO "PROBO" NELSON JUSTUS, ( ESTÁ NA GAZETA DE HOJE)

- Como uma funcionária do gabinete de Nelson Justus, Tereza Ferreira Alves, foi flagrada pela reportagem trabalhando em um salão de beleza e não soube nem ao menos explicar qual é o trabalho que faz para a Assembleia?

- Como um funcionário lotado na presidência da Assembleia, Antônio Wilson Camargo Junior, afirmou à reportagem que trabalha em uma loja de locação de brinquedos em tempo integral?

- Por que Nelson Justus mantém empregados no seu gabinete esses "assessores políticos" que admitem trabalhar na iniciativa privada?

- Por que Nelson Justus admite que seus assessores contratem mais de 30 parentes para trabalhar no gabinete dele e da presidência?
- Como o presidente Nelson Justus contratou "agentes políticos" no gabinete da presidência e não no gabinete parlamentar dele?

- Por que Nelson Justus não declarou a participação societária na rádio Litorânea, em Guaratuba, à Justiça Eleitoral?

- Por que Nelson Justus disse não conhecer a advogada Beatriz Grossi Maia, uma das servidoras que receberam mais de R$ 30 mil por mês, sendo que o deputado assinou uma procuração dando plenos poderes a ela numa ação judicial?

- Como o presidente da Assembleia Nelson Justus e o primeiro secretário Alexandre Curi nem desconfiaram da rede de familiares e amigos que o diretor-geral afastado, Abib Miguel, montou na Casa, destinando a eles mais de R$ 11 milhões?

SABEMOS QUE ISSO NADA TEM A VER COM O NOSSO JUDICIA´RIO, MAS.....PERGUNTAR NÃO OFENDE!!!

Anônimo disse...

OUTRAS....PATIF...OPS....PERGUNTAS!

- Como um morto foi contratado e recebeu dinheiro por dois anos e cinco meses?
- Por que os diários oficiais da Assembleia foram escondidos de forma deliberada e a mando de quem?
- Por que a Assembleia não publicou 2.178 atos oficias nos diários oficiais numerados que a reportagem teve acesso. Do que tratam essas decisões?
- Por que a Assembleia é a única dos estados das regiões Sul e Sudeste que ainda utiliza o diário avulso?
- Como a Assembleia pagou salários acima do limite previsto em lei sem que nenhum deputado ficasse sabendo?
- Quem recebeu o dinheiro depositado na conta de pessoas que admitem que nunca trabalharam na Assembleia?
- Por que a Assembleia recontrata funcionários que aderiram ao Plano de Demissão Voluntária (PDV)?
- Há um esquema de fraude nas aposentadorias de servidores da Assembleia?
- Por que a Assembleia não tem qualquer controle sobre a assiduidade de seus servidores, permitindo que alguns ganhem dinheiro público mesmo morando em Santa Catarina?
- Por que o nome de pelo menos 36 servidores da Assembleia foram omitidos da lista de funcionários da Casa divulgada no ano passado?
- Por que a Assembleia demorou vários dias para "descobrir" em que setor da Casa a agricultora Vanilda Leal estava lotada?
- Por que há gabinetes da Assembleia com tantos servidores? Há necessidade disso?
- Por que a Assembleia contrata servidores comissionados (sem a necessidade de prestação de concurso) e cede eles para outros órgãos, contrariando a Constituição Federal – que proíbe cessão de funcionários comissionados?
- Por que há tantos casos de publicações retroativas ou antecipadas?

Anônimo disse...

TIPO ASSIM,..... É SO PRA LEMBRAR QUE OS PODERES SÃO INDEPENDENTES, EMBORA "DEPENDENTES", OU NÃO!!

Anônimo disse...

ATÉ QUANDO TEREMOS QUE CONVIVER COM OS DESMANDOS DO PODER JUDICIARIO, E, AGORA DO PODER LEGISLATIVO?

E, O PODER EXECUTIVO, JÁ TÁ VINDO AI,;;;;;QUE MERDA DE PARANÁ HEIM?

QUE MERDA DE GENTE DO PARANÁ, NÃO É MARIA, TEMOS MUITO TRABALHO PELA FRENTE!!

SERÁ QUE RESPONDEM OU, VAI FICAR POR ISSO MESMO, E, AINDA QUEREM NEGAR O INEGAVEL!

PRESIDENTE NELSON JUSTUS CADE AS SUAS RESPOSTAS, O POVO DO PARANÁ TEM O DIREITO DE SABER, AFINAL TODO ESSE DINHEIRO É NOSSO!!!

DOS NOSSOS HOSPITAIS, DO NOSSO TRANSPORTE, DA NOSSA EDUCAÇÃO, TUDO NOSSO, TUDO NOSSO, NADA DE VOCES SEUS SALAFRARIOS!

Anônimo disse...

E, AS RUAS UM LIXO, E AS ESTRADAS UMA VERGONHA, E PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR!

QUEM VAI DEVOLVER?

TERIA ALGUM, DE PUTA DO QUE PODERIA FAZER UMA AÇÃO PUBLICA AI , UM DESSES QUE ESTÁ FORA DESSA MERDA TODA SERÁ QUE TEMOS ALGUM?

Anônimo disse...

O NOSSO PRESIDENTE TÁ MAIS SUJO QUE C....DE SAPO, E, AINDA QUER SE EXIMIR ...DO QUE??

COMO?

TERIA VERGONHA NA CARA ESSE CARA?

SERÁ? EU ACHO QUE NINGUÉM LÁ DENTRO TEM!

FORA ,ESSA CORJA PODRE DA ASSEMBLÉIA!!

Anônimo disse...

Dona Maria, o que é isso?

essa pessoa que postou tem razão! O que é que estamos vendo?

isso é uma vergonha! é essa turma de salafras que esta nos dirigindo, fazendo nossas leis?

é essa? quem sabe não teremos que ter um blog para cada poder!

Anônimo disse...

Bonitinha- Você nada tem a agradecer. Somos nós, leitores de seu blog quem temos que agradecê-la pelo edificante exemplo de persistência, seriedade e dedicação. E, se você alega que não sabe se expressar bem, é porque está demonstrando mais uma qualidade, que é a modéstia. Com todo o respeito que merece,pois sei que é também uma mulher muito distinta, permita-me dizer aqui que sou apenas uma pessoa que lhe admira muito e lhe deseja tudo de bom. Um cordial abraço, extensivo a seu esposo.

MARIA BONITA disse...

Ao Leitor de 18 Abril, 2010 17:24
Tenho a agradecer, sim, e muito, pois se não fossem as pessoas que 'frequentam' este Blog, não creio que ele teria vingado, teria crescido.....afinal, uma andorinha só não faz verão....e falando nisso, espero que o nosso Paraná seja passado a limpo, nos três Poderes, quero ter orgulho de ser PARANAENSE....

Anônimo disse...

Acordo pela manhã e vou direto tomar meu desjejum.Por hábito,abro o jornal e leio a respeito de falcatruas diversas já estampadas na primeira página.Se ligo a televisão, além de assistir a desgraças diversas transformadas em marketing para emissoras,vejo as mesmas matérias.Se opto por ouvir o noticiário através do rádio,além de propagandas de produtos milagrosos,escuto as mesmas repetições.Abrindo revistas informativas semanais,encontro escândalos e desfalques em todos os poderes e escalões.PORÉM,ACHÃO VOCÊS QUE FICO DESESPERADO?QUE FICO MUITO TRISTE COMO CIDADÃO BRASILEIRO?Já fiquei,mas refletindo bem,fico é contente de ter acesso,juntamente com quem acessar a qualquer meio de comunicação a estas notícias.A corrupção existe na atualidade,porém,o que não temos lembrado é que ela sempre existiu.Desvios,privilégios, interesses escusos,apadrinhamentos,acertos aéticos, tratamentos desiguais para situações idênticas, etc, etc, atc... Lembrem-se que nosso amado país iniciou-se como colônia portuguesa, e foram nossos próprios colonizadores os primeiros que aqui chegaram não com interesse de fazer desta terra abençoada uma pátria majestosa, mas sim, de usufruir de tudo o que poderiamos oferecer, visto que a legislação e os costumes da época privilegiavam apenas uma restrita elite, em detrimento da população em geral, inclusive com o absurdo uso da mão de obra escrava, cobranças de impostos diversos, etc. Nosso país tornou-se independente graças a coragem e determinação de pessoas anônimas da época, muitas das quais perderam suas vidas, e que não deixaram outra alternativa aos altos escalões, senão a de que fosse proclamada a independencia. Foi um passo. Nos tornamos um pais livre. Porém, a mentalidade ainda era a mesma. O poder nas mãos de poucos. Direitos para a elite, deveres para a plebe. Nada de horários de trabalho, licenças e consultas médicas, educação para todos,etc. Viramos um pais livre dividido em duas clases sociais, a dos que mandam e a dos que obedecem. E, por trás do poder de mando, lastreando-o, o vil metal. Passaram-se anos, décadas, século, e muito lentamente algumas pessoas conseguiram mudar de classe social, através do comércio, da agropecuária, ou atividades similares, com a extinção dos títulos de nobreza que inicialmente existiam e dificultavam ascenção social. Mais tempo passa, e os comerciantes se transformam em empresários, os agropecuaristas em latifundiários , os diversos outros profissionais se reunem em agremiações, que transformam-se em institutos, e assim vão surgindo a previdência social, os cargos públicos, embora a maioria deles ocupada por indicação e não por eficiência, as instituições bancárias das mais diversas, etc. Adquire-se lentamente, mas graças novamente ao empenho de anonimos o direito ao voto, o direito trabalhista, a normatização das tributações, códigos de leis diversos, a nova constituição, os direitos da mulher, etc. Porém, o que a tudo isto perdurou foi o equivocado entendimento dos dominantes, herdeiros ainda dos que anteriormente dominavam, de que o povo necessita ser tutelado, mas não no sentido legal de ser amparado e protegido pela lei, mas sim, tutelado, por ser considerado alienado, ignorante e desiteressado. Resquicio deste passado preconceituoso é o jargão que diz que esperto é aquele que leva vantagem em tudo! E assim foi durante muito tempo, alguns mandando, poucos contestando e muitos obdecendo cegamente sem questionamentos. Por todos estes motivos é que deixa muito feliz poder ler, assistir , ouvir e falar hoje com qualquer pessoa sobre os escândalos da atualidade, com liberdade para citar nomes, cargos e numerários, demonstrar minha opinião pessoal, e observar que as pessoas com quem converso, independente de seu nível sócio-econômico ou sua escolaridade, também se interessam e participam destes asuntos, tendo conhecimento do que se passa na atualidade. E também hoje temos a maravilhosa liberdade de expressão e os modernos veículos de comunicação. FICAR FELIZ EM OUVIR FALAR DE CORRUPÇÃO? Sim. Eu fico feliz, porque percebo que estou fazendo parte de uma

Anônimo disse...

geração de pessoas lúcidas e conscientes, que não mais querem se sujeitar a mandos e desmandos de salafrários e aproveitadores, que mostram seu descontentamento, que reclamam, que estão começando a se unir e se organizar para pleitear justiça e direitos. É um marco na historia este momento. Quando antes alguém se lembra do judiciário ser questionado ou denunciado? De autoridades serem punidas ou inquiridas? Estão se quebrando os elos de uma corrente viciosa que sempre foi usada para manter em todos os poderes os tradicionais e seus sucessores indicados, cabendo-lhes como se por direito fosse, usufruir de tudo sem prestar contas. Quebram-se junto a estes elos a corrente que calava pela força bruta ou deixava a mercê de tudo pela ignorância , a maioria de nós brasileiros. E vejo com esperança surgir uma nova corrente, mas esta não é feita de grilhões, mas sim de cidadãos conscientes e descentes, que de mãos dadas e objetivos comuns, revindicam viver em um país aonde a verdadeira justiça impere em todos os poderes e em todos os níveis da administração pública.FAÇA VOCÊ TAMBÉM PARTE DESTA CORRENTE DE PESSOAS CONSCIENTES QUE ALMEJAM O FIM DA CORRUPÇÃO E DA IMPUNIDADE. Faça sua parte. Participe. Opine. Se atualize. Vote consciente. Questione. Reclame. Requeira. EXERÇA SUA CIDADANIA COM DIGNIDADE