Páginas

Cartórios Notícias

Loading...

Lista dos ‘titulares’ dos cartórios Judiciais…..DIA 14 DE SETEMBRO ACOMPANHEM O DESFECHO NA SESSÃO PLENÁRIA DO CNJ!

 


Esse video será colocado neste Blog, sempre que houver novas postagens, até o dia das eleições!

DOIS  COMENTÁRIOS SOBRE ESSE PCA

A GALERA DOS CARTÓRIOS JUDICIAIS QUE TÁ COM A CORDA NO PESCOÇO TÁ PEDINDO SOCORRO, MAS NÃO VAI ADIANTAR PORQUE OS SINDICATOS SINCAR OU OUTRO QUALQUER NÃO POSSUEM LEGITIMIDADE PARA ATUAR PERANTE O CNJ.
O CNJ NADA TEM A VER COM OS CELETISTAS DOS CARTORIOS, E MAIS O PCA JÁ ESTÁ PARA A PAUTA DO DIA 14 PROXIMO, PARECE QUE DE NADA ADIANTOU A TENTATIVA DE GANHAR TEMPOS COM ESSA EXURRADA DE PEDIDOS DE SUSTENTAÇÃO ORAL – INDIVIDUAL- PORTANTO, COMEÇEM A ARRUMAR AS SUAS MALINHAS PRA DAR O FORA, A LISTA DAQUELES QUE AINDA NÃO CAIU A FICHA TÁ NO PCA Nº 200910000023630, SÃO SÓ 304.
SENHORES FUNCIONARIOS, OS SENHORES ESTÃO EM MELHOR SITUAÇÃO DO QUE OS INTERINOS IRREGUALARES, POIS, AINDA HÁ A POSSIBILIDADE DE PERMANECEREM PARA AUXILIAR AQUELES QUE IRÃO ASSUMIR, UMA VEZ QUE CONHECEM A TEORIA, MAS DESCONHECEM A PRATICA, PORTANTO FIQUEM TRANQUILOS, POIS A ÚNICA COISA QUE VAI MUDAR SÃO OS LARANJAS QUE PAGAVAM OS PEDÁGIOS E OS TITULARES IRREGULARES.

08 Setembro, 2010 15:51

Excluir

Anônimo Anônimo disse...

Ao anônimo de 15:51
Desculpe, mais acho que vc está confundindo as bolas. Esse PCA dos cartórios judiciais é para a estatização. Os funcionários sairão sim, pois o Estado vai prover as vagas com concursados. Não há interinos no judicial. Há designados (sem concurso) há concursados e há concursados permutados e concursados removidos. Há quem entrou antes de 88 também. Resta ver o que acontecerá, pois o caso diverge do extrajudiciais, pois quem entrou por concurso e permanece na serventia, deve ficar, porém de forma estatizada, se assim quiser. Vamos aguardar pra ver o posicionamento do CNJ.

23) PROCEDIMENTO DE CONTROLE ADMINISTRATIVO Nº 2009.10.00.002363-0

Numeração Única: 0002363-72.2009.2.00.0000

Relator: Conselheiro MILTON NOBRE

Requerente: Requerente: Conselho Nacional de Justiça

Interessado: Associação dos Serventuários da Justiça do Estado do Paraná – ASSEJEPAR

José Mauricio Baarrozo de Pinho

Samuel Takasaki Martins

Peterson Adriano Migliorini

Gilberto Charin

Fátima Aparecida Padilha

José Carlos Baggio Batista

Antonio Torres Navarrete

Sergio Roberto Vieira Wosowicz

Firmino da Silva Mendes

Virgilio Boeing

Atílio Bavaresco

Orlando Teixeira Gregório

Marcos Lourenço Meireles

Luiz Eugenio Pavan

Nilton Batista dos Santos

Cleide Nunes dos Santos Dariva

Maria de Fátima de Carvalho

Dirceu Warken

Decio Zanoni

Ernani Gonçalves de Oliveira

Sergio Augusto Silva

Paulo Celso Corrêa Rocha Loure

Dagmar Edmilson Revelini

Jair Pereira Rocha

Geraldo Tazoniero

Vera Capille Fernandes

Dirce da Luz de Castro

Cyrina Alves de Brito

Arnaldo Cia

Paulo Balieiro Coutinho

Hilario Aleixo

Roseli de Figueiredo

Christiane Angelica Kizerlla Villela

Maria Regina D Almeida Berno

Gilciane Luzia Mello do Nascimento

José Vedolim Teixeira

Dejair Palma

Sebastiana Machado Borges

Gerson Guimaraes do Vale

Sofia Sonia Schmidt de Carvalho

Carlos Roberto Tristão

Dirce Stevens Faccio

Gisleine Tanaka Biazetto Rotta

Aldo Antonio Pagani

Edi Ronald Altheia Junior

Lilian Cristiane de Mello

Valdomiro Aleixo

Alcides Antonio Adamante

Emerson Seifert Fonseca

Raquel Teixeira de Lima Dalmut

Neusa Salvador de Lima

Luiz Henrique Codolo

Virgilino Ferreira Varella

Luis de Souza Silva

Carmem Maria Corrales Barbosa

João Carlos Reichemback

João Nunes Monteiro (esse eu protocolei uma denúncia séria contra ele no CNJ)

Sidnei Pinto de Oliveira

Aya Sato

Osvaldo Saugo

Marta da Luz Lira

Braz Favreto

Paulo Eugênio Lucchese

Inaldo Borchers Mueller

Maria Chistina Schulz de Lima

Ivani Uhno Finges

Claudio Cesar Safraider

Elizabeth Amaral Lopes

Luiz Fernando de Carvalho

Rodrigo Timotheo Taborda

Edelzina Aparecida Barreto Tulik Manoel

Leonilda Brigina Westphal

Gilsom Antonio Petry

Janey Vitoria de Meda

Jose Borges da Cruz Filho

Nilo Ubirajara de Souza Sampaio

Moizes Pinto Silveira(Ué, esse o Luiz Alberto Name tirou da serventia com a ajuda de tia dele Des. Regina Afonso Portes, que o presenteou com esse cartório, hoje ela está fazendo arte no TRE….arte no ‘bom’ sentido, claro….ou não)

Rosa Rodrigues de Almeida

Saul Treglia Junior

Francisco Chagas Negrão

Hamilton Ludovico Paese

Sergio Ribeiro

Neuza Maria Carmezini Oliveira

Marcos Leonel Forastieri da Silveira

Vilma Otovis Bonfante

Ubirajara Binhara

Liliana Lima Bittencourt

Katya de Araújo Carollo

Sonia Maria Munhoz da Rocha e Silva

Taka Sonehara

Carlos Romanel

Nelci da Silva Lopes

João Carlos Kormann

João de Maria Camargo

Elivaldo Barbosa Maia

Rodrigo Augusto Wagner de Souza

Mario Martins

Juarez Cescato Braga

Elenita Yasni Santos da Silva

Sylvia Castello Branco Gradowski

João Laurence Chalbaud Misurel

Candida Marnes Hugen

Luiz Alberto Name

Carlos Dirceu de Massolin Pacheco

Ari Fernandes dos Santos

Mara Regina de Oliveira Trevizan

Lestir Bortolon Filho-(esse permutou com a mãe, acho, amigo de Silvio Name, tentou atravessar um documento bobo no PCA 6172 que fez Sidnéia Name perder o 1ºProtesto de Curitiba, mas Lestir recuou, de medo ‘di mim’- mas  se está na lista, CNJ pegou o moço-)

Joyce Khury

Anuar Miguel Abib

Regina Estela Pereira

Nelson Fernando Salles

Eupidio Pereira Batista

Joãoncimar Magnabosco

Liraucio Saragioto

Jatir Mariani

Dineu Alves de Campos

Marcos Muzyka

Vanessa Mantoan

Zilmar Burg

Gilson de Almeida

João Luiz Milharesi

Edson Jose Brognoli

Vandecir dos Reis Loução

Wilson Ossamu Fugiwara

Marcos Vinicius Troiano (esse é sobrinho de ex Pres. do TJPR – esse me disse – por telefone – que ninguém ia mexer com ele,pois o tio o garantiria para sempre - ‘parasemprecurtoesse”)

Ademir Bernardi

Eneida Cear Santanna

Tânia Soares Felizardo

Iraci Nazari

Mauro Celio Safraider

João Paulo Akaishi

Iracino José dos Santos

Ângela Maria Francisco Arguello

Beatriz Xavier da Rocha

Carmen Lima Gnaspini

Edison Ganzert

Vera Lucia Pedroso

Paulo Tanamati

Lincoln dos Santos Penteado

Matias Roberto Perioto

Jose Carrasco Filho

Ari de Melo Lemos Junior (esse tem outra profissão; pode vender PALMITO)

Silmara Elias Gomes de Paula

Casimiro Bedenarski

Edival Vicente da Silva

Marli Benitz Blessa

Noelma Ferreira Soster

Jose Kimura

Maria Terezinha Sequinel de Camargo

Sonia Cristina Pratas

Maria Elvira Ribas Xavier da Silva

Marlene Marquesini

Sergio Roberto Cabral Krauss

Carlos Zucolin Belasque

Regina Celia Maroco

Luiz Francisco Bosio

Mario Nakazima

Mabel Simoes

Marcelino Martins Fernandes

Silvia Maria de Paula Cesar

Airton José Vedruscolo

Carlos Alberto Pagani

Ricardo Ferreira Damião

Rubens Augusto Monteiro Weffor

Tania Mara Zanciskoski

Waldemar Furlan

Luiz Affonso Franzoni Filho

Juliano Borba Siqueira

Vanuza Depolo

Arival Tramontin Ferreira Junior

Antonio Businhani

Ângelo Urquiza Monteiro

João Carlos Prestes Taques

Waldemar Furlan Junior

Joel Pereira da Cruz

Washington Simões

Noemi Rodrigues Stromberg

Nery Regiani de Macedo

Marcos Antonio Freitas Zambolim

Dorli Mari Moro

Halyna Hololob Konovalenko

Wilson Marcos de Souza

Terezinha Demczuk

Maria das Graças Cordeiro Custódio

Sady dos Santos Messias

Celson Dias Ugolini

Reneiro Gonçalves Leite

Diocelio Galerani

Vera Biana Galdino Lopes

Aluizio Perico

Maria Izabel Frantini de Oliveira

Juraci Alecrim

André Albino Cucchese

Isabel Dourado Mathias

Maria Ivone Trapp Campaner

Elizandra de Fatima Abilio da Silva Biancard

Maria Aparecida Carneiro Xavier

Leila Fátima de Lima

Carla Regina Buchmann Setim

Aparecido Donisete de Oliveira

Rosane Aparecida de Barros

Ézio Gonçalves

Newton Gustavo de Toledo Nogueira

Laureny Nogueira

Sueli Aparecida Araujo de Almeida

Fabio Campanholo Mendes

Miguel Visbiski

Flavio de Siqueira da Silveira

Neide Helena Cesar Rocha

Regina Maria da Cruz

Afonso Sergio da Silveira

Arlindo Osni Lichtenfels

Adorinan Balbino Siqueira (esse eu conheço, foi afastado das funções por alguns anos por sérias irregularidades)

Ingrid Irmgardt Poniewass de Azevedo

Paulo Roberto Wicthoff

Maria Angelica da Silva

Ciro Antonio Taques

Dirso Antonio Veronese

Elaine Kurtz

Paulo Cesar Caruso

Clenar Terezinha Viezzer Formighieri

João Evangelista Aguiar Neves

Alice Beatriz Silva Portugal

Denise Miguel Zattar

Luiz Carlos Arruda

Emílio Hein

Everson Begetto Kiel

Gilcimara Mello do Nascimento

Albani Puter Lubczik

Gladys Stolz Vedramini

Nivaldo Ortiz

Algacir Charavara

Paulo Roberto Duso

Rosana Wagner

Martha Loecy Kwiatkowski Santos

Rozangela Fernandes Aparecido

Silvia Luciana Tonin Simonassi Vicentin

Maristela Vera Lucia Nardi

Armindo Rigon Schreiner

Otilia Maria Kulesza

Maristela Fabricio Altheia

Vilmo Bedin

Gilda Gesser Pagani

Leina Maria Golinelli Storti

Cesar Warken

Andressa Edvirgen Guarneri Ferreira Regalio

Jefferson Luiz Andrade

Mario Cesar Bueno (esse é o dono das Bancas de hortifrutigranjeiro do Mercado municipal de Curitiba, remoção sem concurso, entrou  em uma vara criminal no ano de 1985 por efetivação, mas continua como funcionário do TJPR e consequentemente deve receber um salário – está à frente de três cartórios: Vara de Familia  e Cível da Comarca de Colomvo e Cartório Distribuido da Comarca de Rio Branco do Sul – deve voltar para a Comarca de Barbosa Ferraz)

Carlos Schlichting

Nelson Takeo Kohatsu

Matilde Olicheski Polak

Jair Lourenço de Souza

Walter Eneias de Lima

Lidia Carmona Baptista

Antonio Siqueira

Luiz Carlos Gotardi

Valdecir Martins Mafra

Sergio Alves Dreher

Carlos Miguel Montagnani

Clecius Jose Patron dos Santos

Luiz Claudio Vieira Lima

Pedro Claro Giovannetti

Jefferson Villas Boas Erichsen

Alfreda Boceski da Silva

Ricardo Jose Antonio Giunta

Lauro Correia Pereira

Antonio Gonçalves Fernandes Neto

Angeria Martins Ferreira Fernandes

Dilke Andrea Galacci Alves

Ednea Rodrigues

Simei Muzza de Freitas

Sebastiana da Gloria Xavier

Ana Maria Cabral Przybysz

Maria Marcia Palma Cardoso

Evedir Manoni Valladao

Glaci Bittencourt de Geus

Athos Nazari Santos

Osmar dos Santos

Fátima Ines Felipetto

Vivian Beatriz Formighieri Nardi

Jose Roberto Vieira

Thereza de Peder Rodrigues

Marcia Regina de Oliveira Loyola

Aline Stocco Oliveira

Luiz Antonio de Siqueira Guerios

Helio Silvano Biaggi

Juliana Rego Gonçalves Catarino

Edilberto Ferreira da Silva

Renato Augusto Platz

Adroldo Bellanda

Maria Aparecida Santini

Adriano Demczuk

Luiz Ernani Setim

Carlos Lucio Zeni Guimarães

Eliana Silveira da Rosa

Fátima Rosemar de Oliveira Carvalho

Antônio de Oliveira Menezes

Dinorah Seifert

Adão Alvarino Soares (esse é da minha cidade, permuta irregular, veio de Realeza, pr…acho)

Wanderley Laureano

Elpídio Pereira Batista

Luiz Elineu Galeski Xavier do Rego (esse também é da minha cidade – aqui nem precisa de distribuidor, cidade pequena, um cartório de cada…..Distribuir o quê? Sorrisos e taxas?esteve afastado por irregularidade por uns dez anos)

PR002268 - Moacir de Melo- (devo contar a história desse advogado e seu filho nos próximos dias)

.

9 comentários:

Anônimo disse...

Quero só denunciar que em referencia ao REGISTRO DE IMOVEIS DE MANOEL RIBAS o mesmo não se encontra na lista do CNJ , tem que fazer denunica para colocar ele na lista.
O VINICIUS titular de araque foi efetivado pelo art..299 do CODV, é uma vergonha que o CNJ está deixando passar batido.
Tem que denunciar para entrar na lista com certeza.

Anônimo disse...

Quero que todos esses bandos de filhos da p... se fodam.

Anônimo disse...

ao anonimo de 09 de setembro as 19:03
tem um montão de gente que não esta nas listas, foi por isso que o CNJ ao final da inspeção pediu que aqueles que tivessem conhecimento que os informassem, pois, pra dar migué o Paraná é perito!

portanto, se sabem de mais alguem podem mandar pra maria que tenho certeza que ela vai incluir na faxina!
quanto aos funcionarios dos cartorios, SORRY meus filhos mas, ou voces prestam concurso, ou vão pra rua, e se têm algum conhecimento da pratica vão buscar a teoria, porque já estarão bem à frente dos que não sabem! quanto aos interinos,ou designados o que quer que seja, são irregulares,SEMPRE FORAM, mesmo prestando concursos, pois, a lei após a constituição de 88, diz que tem que ter o curso de direito, pra começar, e cinco anos até 1983 prestando serviços, portanto, todos estão irregulares! e, aqueles que acham que ficam, tirem o cavalinho da chuva, porque os judicias jamais deveriam estar nas maõs de pessoas que não são funcionários do tribunal, ou seja,nunca deveriam estar privatizadas,isso pra começar.....mas, como a corja não respeita as leis, acharam um jeitinho de ganhar uma graninha por fora! se não fosse o CNJ ser instituido isso continuaria ate o final dos tempos!

viram? foram mexer com quem tava quieto? deu merda......

Maria Bonita disse...

AO LEITOR DE 09 Setembro, 2010 19:03

O RI da Comarca de Manoel Ribas, cujo titular ainda ´e o sr. Venício Camargo é extrajudicial e encontra-se vago desde 17-06-2009.

Anônimo disse...

O escrivão da 1ª Vara da Família de Ponta Grossa Juliano Buhrer Taques, vulgo Dumbo, ex-marido de uma juíza e amigo pessoal do corruptão Vava gabundo não está na lista. Por que será? Ele fêz permuta com o antigo titular, que morava em Campo Largo, O pedro qualquer coisa.

Anônimo disse...

O escrivão da 1ª Vara de Família de Ponta Grossa Juliano Buhrer Taques, ex-marido de uma juíza, e amigão do Vavá gabundo, tmbém conhecido como DUMBO não está na lista. Por coincidência o pai dele também tem cartório, e ele fez permuta com o Pedro não sei do que de Campo Largo, quetambém estava em PGrossa. Puxa, esta cidade é o paraíso dos irregulares, tanto do Judicial como do Extrajudicial. Também com o Vavá com 2 crtórios, o resto.....

Anônimo disse...

ESSES CARTORÁRIOS TEM QUE CAIR FORA DE UMA VEZ POR TODAS! CHEGA DESSA PALHAÇADA! PARTICULAR CUIDANDO DO INTERESSE DO ESTADO, QUE FURADA! NÃO EXISTE QUALIDADE; NÃO EXISTE PROFISSIONALISMO; NÃO EXISTE COMPETÊNCIA - SERÁ QUE ALGUM DELES TEM O ENSINO FUNDAMENTAL? NÃO EXISTE EXIGÊNCIA DE GRAU DE INSTRUÇÃO. É O BOBO DA CORTE ACHANDO QUE VIROU REI. ESSA HERANÇA MONÁRQUICA TEM QUE CHEGAR AO FIM.
CHEGA DESSA SEM-VERGONHICE! ELES JÁ FIZERAM A VIDA DELES HÁ MUITO TEMPO. QUE O CNJ CORTE A CABEÇA DE TODOS, SEM EXCEÇÃO!
EESSTTATTIZZAÇÇÃÃOO JJÁÁ!!!!!

Anônimo disse...

Conheço o senhor Juliano Buhrer Taques e seu pai, inclusive sou da cidade de Cândido de Abreu, onde há diversas irregularidades. Tanto que este pai dele possui dois cartórios, pois havia um cartório que iria para concurso e por intermédio de parentes desembargadores acabou ficando para ele.
Nesta comarca, não há nenhum cartorário concursado, sendo que um dos cartórios diz ser de direito adquirido para um que é de pai para filho; outro está na lista do CNJ, tomara que aconteça algo de concreto; e os outros estão com o pai de Juliano.
Agora os filhos destes estão fazendo Direito para conseguirem colocar seus filhos...

Maria Bonita disse...

Ao Leitor(a) de 11 Abril, 2011 00:38
Pode me dar mais informações sobre esses cartórios? Se quiser pode ser pelo e-mail do Blog.
Obrigada.